Previsão do Tempo
Bauru
Geral

Fé e tradição nos 300 anos da Padroeira do Brasil

Santuário de Nossa Senhora Aparecida, em Bauru, espera milhares de fiéis com ampla programação; confira também o que abre e fecha no 'feriadão'

11/10/17 07:00
Thiago Navarro
Reprodução
O dia de Nossa Senhora terá missas na igreja dedicada a ela às 6h, 8h, 10h, 12h, 15h e 18h

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida, no Centro de Bauru, deve receber milhares neste feriado. E, em 2017, a data ganha significado ainda mais especial. A imagem da santa foi encontrada por três pescadores no Rio Paraíba do Sul em 1717, portanto completa 300 anos. Em função do "feriadão", a rotina da cidade será alterada (veja no quadro no final).

Em todo o Brasil, fiéis vão celebrar a data, incluindo muitos romeiros que seguem para Aparecida, no Vale do Paraíba. Em Bauru, o dia de Nossa Senhora terá missas na igreja dedicada a ela às 6h, 8h, 10h, 12h, 15h e 18h.

Na missa das 12h, chegará a carreata que vai sair uma hora antes da Paróquia Nossa Senhora das Graças, no Vista Alegre, tradição que se repete todos os anos. E na missa das 18h, está prevista a procissão, passando por ruas próximas ao Santuário de N.S. Aparecida. Uma tenda foi montada em frente à igreja para abrigar os fiéis nas missas, inclusive com telão, para que todos possam acompanhar as celebrações.

A data que comemora a Padroeira terá ainda quermesse durante todo o dia, no salão ao lado da igreja. A festividade continua na sexta, sábado e domingo, à noite.

SERVIÇO

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida fica na Praça Washington Luiz, no Centro.

Papa manda Rosa de Ouro a Aparecida

Hiago Leon/Santuário Nacional de Aparecida
Representante do papa entregou Rosa de Ouro ao arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes

O papa Francisco enviou ao Santuário Nacional, em Aparecida, a Rosa de Ouro, honraria que representa uma particular estima por cidades, pessoas ou santuários reconhecidos como centros de grande devoção. O presente foi trazido do Vaticano pelo cardeal italiano Giovanni Battista Re, que será o representante do pontífice nas festividades dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida por pescadores, no rio Paraíba do Sul.

A Rosa de Ouro foi entregue oficialmente em um missa, na Basílica de Aparecida, celebrada na noite desta segunda, dia 9.

"Com grande alegria estou retornando a Aparecida. Já estive aqui por ocasião da 5ª Conferência do Episcopado Latino Americano. O que mais me impressionou foi a grande quantidade de peregrinos que vem ao Santuário. Retorno com particular alegria, pois vou representar o papa Francisco. O santo padre que envia uma Rosa de Ouro como símbolo de seu amor à Nossa Senhora, assim como seu afeto ao povo brasileiro", disse o cardeal italiano, que presidirá a missa solene do dia 12 de outubro, às 9h30.

A Rosa de Ouro pesa cerca de um quilo e mede aproximadamente 50 centímetros. O presente costuma ser entregue apenas uma vez por ano, com exceção deste ano, já que o papa Francisco já tinha presenteado o Santuário de Fátima com a insígnia.

Segundo a assessoria de imprensa do Santuário Nacional de Aparecida, a primeira referência a este sinal foi encontrada em um documento de 1049, emitida pelo papa Leão 9.

Naquela época, a Rosa de Ouro era abençoada no quarto domingo da Quaresma mas, após o Concílio Vaticano 2º, em dezembro de 1961, a entrega do símbolo passou a ser mais rara.

Esta foi a terceira vez que o Santuário Nacional foi presenteado por um papa com uma Rosa de Ouro. A primeira vez foi em 1967, pelo papa Paulo 6º. Em 2007, o papa Bento 16 entregou o presente pessoalmente, quando esteve no Brasil. As rosas de ouro estão expostas ao público no Museu Nossa Senhora Aparecida.

Ler matéria completa
Mais notícias em Geral
As mais compartilhadas no Face
Recomendado
voltar ao topo