Previsão do Tempo
Bauru
Economia

Bugatti lança carro mais caro da história

Única unidade do La Voiture Noire custa US$ 12,5 milhões - ou R$ 47,28 milhões

06/03/19 07:00
Pierre Albouy/Reuters
O La Voiture Noire, da Bugatti, custa R$ 47 milhões e vai abrir amanhã o Salão de Genebra

São Paulo - Na comemoração de seu 110º aniversário, a marca francesa de automóveis de luxo Bugatti abre o Salão de Genebra, que começa oficialmente nesta quinta-feira (7), apresentando o carro considerado o mais caro da história. 

A única unidade do La Voiture Noire custa US$ 12,5 milhões - ou R$ 47,28 milhões - e já foi vendida, mas a montadora não revela o nome do comprador. A Bugatti diz apenas que o novo dono do carro é um "entusiasta" da marca. 

Com 1.500 cavalos de potência, o modelo foi inspirado no clássico Type 57 SC Atlantic, de Jean Bugatti, filho do fundador da marca, Ettore Bugatti. De acordo com a montadora, a criação personalizada do veículo "é muito mais que uma interpretação moderna" do carro histórico.

"La Voiture Noir é uma homenagem à própria história da Bugatti, um manifesto da estética e uma peça de alta costura automotiva", diz o comunicado da empresa. 

No Salão de Paris, em outubro do ano passado, a Bugatti exibiu o superesportivo Bugatti Divo, de mais de R$ 23 milhões. Foram montadas 40 unidades.

FERRARI

Já a Ferrari leva ao Salão do Automóvel de Genebra mais um modelo com seu supermotor V8 de 720 cv. Após lançar a 488 Pista em 2018, a montadora apresenta a F8 Tributo. O novo carro substitui a 488 GTB, que custa R$ 2,77 milhões no Brasil. Segundo a Ferrari, a F8 Tributo é mais aerodinâmica e leve que o modelo anterior. Na traseira, as lanternas redondas mantém a tradição.

Ler matéria completa
Mais notícias em Economia
As mais compartilhadas no Face
Recomendado
voltar ao topo