Previsão do Tempo
Bauru
Polícia

'Amarraram meus pés e mãos e falavam que iam me matar'

Caseiro acordou já com arma na cabeça; um dos criminosos foi preso pela PM

11/10/18 10:15
Bruno Freitas - Atualizada às 3h48 de 12/10
Bruno Freitas
Garrucha utilizada pelos criminosos foi apreendida por policiais militares da 3.ª Companhia

A Polícia Militar (PM) prendeu, na madrugada desta quinta-feira (11), um dos ladrões do trio que rendeu e assaltou o caseiro de um sítio na região do Parque Santa Cândida, em Bauru. A vítima, de 63 anos, ficou amarrada no imóvel, enquanto os criminosos a ameaçavam de morte. O grupo estava em busca de grande quantia de dinheiro, não localizada no local.

PM/Divulgação
Com os itens levados do imóvel, Fiesta do caseiro foi localizado pela PM e devolvido à vítima

Bastante abalado, o caseiro, cuja identidade será preservada por questões de segurança, disse que estava dormindo quando acordou com um revólver encostado em sua cabeça. "Eles me acordaram, amarraram meus pés e minhas mãos. Exigiram o dinheiro que eles acreditavam que havia ali. Eu disse que era caseiro e que não tinha dinheiro, só os meus R$ 900,00 e meu celular. Eles me pressionaram e falaram que iriam me matar, que havia mais dinheiro, até que um deles, o mais alto, disse que não era para ninguém me machucar", conta.

PUXADO PELA CORDA

A vítima relata ainda que os bandidos a fizeram andar pela casa, sendo puxada pela corda, para mostrar os demais pertences. Depois, eles o deixaram na garagem e fugiram no Ford Fiesta do caseiro, levando o seu dinheiro, assim como uma caixa de som, celular e diversos outros itens, cuja maior parte já foi apreendida pela PM.

PRISÃO

A polícia conta que as equipes da 3.ª Companhia faziam buscas para localizar suspeitos de uma tentativa de homicídio ocorrida na mesma noite (leia mais abaixo). Contudo, os policiais se depararam com um trio em atitude suspeita em uma casa no Parque Jaraguá, a cerca de cinco quilômetros do local do roubo.

Quando a PM foi abordar o trio suspeito, dois deles fugiram. O terceiro, um rapaz de 20 anos, confessou ter participado do roubo à chácara e foi preso, acrescenta os policiais. Ao ser levado para a delegacia, ele foi identificado como sendo Victor Gonçalves Lages, natural de São Paulo, e que estava foragido desde o último benefício de saidinha do CPP-2 de Bauru.

Uma garrucha usada no crime foi apreendida com Victor. O Fiesta, com placas de Piratininga, também foi localizado e devolvido. Os outros dois criminosos estão foragidos, sendo um deles já identificado. Um outro revólver usado no assalto não foi encontrado. O caso segue sob investigação da Polícia Civil e Victor Lages está novamente à disposição da Justiça.

Ler matéria completa
Mais notícias em Polícia
As mais compartilhadas no Face
Recomendado
voltar ao topo