Previsão do Tempo
Bauru
Política

PSDB fará congresso para redefinir seus rumos e Tobias defende social democracia

Data definida para a convenção estadual e congresso é o começo de maio

06/12/18 07:00
Deputado Pedro Tobias liderou reunião realizada na última segunda-feira (3), em São Paulo

Em reunião na última segunda-feira (3), o Diretório Estadual aprovou a realização de um Congresso Estadual, que acontecerá concomitantemente à Convenção Estadual. A proposta apresentada e aprovada prevê a realização das discussões do Congresso na sexta e sábado que antecederem a convenção estadual. A convenção e a votação das teses do Congresso ocorreriam no domingo. A data prevista pelo Diretório Nacional para realização das convenções estaduais é entre 3 e 5 de maio de 2019.

A reunião foi aberta pelo presidente estadual, deputado Pedro Tobias, que iniciou fazendo uma breve análise do resultado eleitoral para o PSDB. "Foi um tsunami, mas não adianta mais chorar", afirmou. Segundo Tobias, ao contrário dos que dizem que podem deixar o partido, ele não tem qualquer intenção de sair do PSDB. "Se o barco afundar eu serei o último a saltar", afirmou. "Eu tenho muito orgulho do PSDB. O PSDB representa a Social Democracia. Livre iniciativa está na moda, mas funciona na Europa, em país desenvolvido. Aqui é preciso ter Estado, é preciso cuidar de quem precisa", finalizou.

Para o líder do PSDB na Assembleia Legislativa, deputado Marco Vinholi, este é o momento oportuno para que o partido tire lições e faça mudanças. "Há dois anos nós fomos os grandes vencedores da eleição e tenho certeza que daqui a dois anos voltaremos a ser. Só temos uma direção a tomar: para frente", disse.

Com secretários

O presidente estadual do PSDB, deputado Pedro Tobias, esteve reunido na manhã desta quarta-feira com três futuros secretários de Estado do governo João Doria: José Henrique German (Saúde); Marcos Penido (Saneamento, Recursos Hídricos, Energia e Meio Ambiente) e Marco Vinholi (Desenvolvimento Regional), atual deputado estadual, relator do orçamento estadual para 2019 e líder do PSDB na Alesp.

Também estiveram nas audiências marcadas por Pedro Tobias o coordenador do curso de Medicina da USP-Bauru, José Sebastião dos Santos; o diretor da FOB/USP, Carlos Ferreira, e Ricardo Achilles. 

Ler matéria completa
Mais notícias em Política
As mais compartilhadas no Face
Recomendado
voltar ao topo