Previsão do Tempo
Bauru
Entrelinhas

Entrelinhas

Dívidas

A sessão ordinária da Câmara Municipal de hoje terá 15 processos em pauta. O principal deles é o que altera a recente lei que instituiu o Programa de Regularidade Fiscal (PRF) aos clubes de Bauru que estão inadimplentes. O projeto agora retira a multa que é necessária em casos de parcelamento, viabilizando a adesão das entidades. O texto é de autoria do Poder Executivo.

Noroeste

De acordo com o secretário municipal de Finanças, Everson Demarchi, as dívidas de entidades desportivas locais com a prefeitura chegam a R$ 1,6 milhão. Deste total, mais de 85% são do Esporte Clube Noroeste, que deve cerca de R$ 1,4 milhão, relativos a IPTU. O clube é o principal interessado na aprovação.

Aluguel

A adesão do Noroeste é importante também para a prefeitura e outras duas modalidades, no caso o Bauru Basket e o Vôlei Bauru. Isso porque o município aluga junto ao Noroeste o ginásio Panela de Pressão, pagando R$ 28,9 mil mensais. O contrato vence em novembro e, para ser renovado, o Alvirrubro deve estar em dia com o fisco municipal, para continuar recebendo o valor da locação. A Panela é sede da Semel e casa das duas equipes que disputam a elite nacional (NBB e Superliga).

Somando

O clima, no momento, é de união entre os três principais clubes do esporte local. Na semana passada, em evento conjunto, foi apresentado o novo patrocinador do Noroeste, a Red Panther, que além de exibir a marca como máster na camisa do Alvirrubro, será ainda parceira com cotas no calção do basquete e do vôlei. Dirigentes das três equipes, como Estevan Pegoraro (Noroeste), Reinaldo Mandaliti (Noroeste e vôlei) e Vitinho Jacob (Noroeste e basquete), destacaram a necessidade de união em prol do esporte. O diretor da FIB Futsal e do Noroeste, Neto Ranieri, também esteve no evento.

Prorrogação

Outro projeto é o que autoriza a prefeitura a prorrogar a cessão de uma área a uma empresa no Distrito Industrial IV, pois o lote encontra-se ocupado por posseiros. Também será votada, em primeira discussão, a autorização para cessão de área a outra empresa. Já em segunda votação, está em pauta a criação do Alvará Provisório, aprovada por unanimidade na semana passada.

Outros

Em primeira discussão, os outros projetos são relativos à correção dos valores repassados a duas entidades conveniadas, que atendem crianças da cidade. Também a mudança no Fundo Municipal do Zoológico, autorizando a compra de um veículo para transportar servidores, e ainda remédios e exames. Por fim, alteração nos prazos de realização de audiências públicas da Lei Orçamentária, este de autoria da Mesa Diretora da Câmara Municipal.

Única

Já em votação única, estão dois títulos de Cidadão Bauruense: para Márcio Fernando Elias Rosa e Carlos Alberto Bosco, propostas de José Roberto Segalla (DEM) e Roger Barude (PPS), respectivamente. E três Moções de Aplauso e uma de Apelo, de Natalino da Silva (PV), esta justamente para que o prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) dê soluções aos lotes que foram invadidos no Distrito Industrial IV.

voltar ao topo