Previsão do Tempo
Bauru
Entrelinhas

Entrelinhas

Câmara

Ontem ocorreu a posse da nova Mesa Diretora da Câmara Municipal. Assumiram o presidente José Roberto Segalla (DEM), o vice-presidente Coronel Meira (PSB) e a segunda secretária Yasmim Nascimento (PSC). O primeiro secretário Roger Barude (PPS) está em viagem e com isso a posse dele será na próxima segunda-feira, pois os parlamentares têm até a metade de janeiro para assumir o cargo. Leia matéria completa na página 4.

Recursos

Com as mudanças nas esferas estadual e federal, o prefeito Clodoaldo Gazzetta (PSD) diz que vai procurar os caminhos para ter acesso a recursos. No governo do Estado, Gazzetta frisa que vai manter contato com o deputado estadual Pedro Tobias (PSDB), presidente estadual do novo governador, e no governo federal com Capitão Augusto (PR) e com Rodrigo Agostinho (PSB). Ele também espera contar com pelo menos R$ 15 milhões anuais de emendas parlamentares.

Parques

Neste ano, a prefeitura tem a pretensão de começar a construir sete parques lineares nos fundos de vale, segundo Gazzetta. Também estão previstos cinco bosques, em diferentes regiões. Outra ação é a revitalização da Lagoa da Quinta da Bela Olinda, com investimentos de contrapartidas de empreendimentos residenciais que serão feitos naquela região.

Campos

Outra proposta do prefeito através de parcerias com a iniciativa privada é para a construção de pelo menos 20 campos de futebol society, em diversas regiões da cidade. A manutenção ficaria com a parceria por pelo menos dez anos e depois passaria em definitivo ao município. Os detalhes do projeto ainda serão definidos.

Central

A prefeitura estuda uma proposta de revitalização da área central. Uma parte do trabalho será no Calçadão e deve ser feita diretamente pela prefeitura. No restante das ruas, uma das possibilidades é colocar a obrigação de revitalizar a quem ficar com a concessão do aeródromo, onde está o Aeroclube, e que pode acontecer neste ano. Gazzetta também adiantou que vai refazer todo o asfalto da avenida Rodrigues Alves entre a Pedro de Toledo e Nações Unidas, no Centro.

Máquinas

O prefeito também avalia como vai realizar a troca de máquinas da Secretaria de Obras e de outras pastas, como a Sear. O material atual é antigo e constantemente apresenta problemas. Ele afirma que pelo menos uma parte do novo material precisará chegar, para que a prefeitura consiga asfaltar de uma a duas quadras por dia, além do recape. A ideia é fazer esse serviço com equipe própria.

Dinheiro

Aliás, para o prefeito, a maior demanda por recursos da cidade é para o recape de ruas e avenidas. O Estado repassou uma verba de R$ 4 milhões, que começará a ser usada neste mês, e outras emendas parlamentares ajudaram no recape e pavimentação de trechos menores. Gazzetta afirma que tentará mais verba diretamente no governo estadual e federal, ou através de emendas parlamentares, para chegar a um valor de até R$ 30 milhões e permitir o recape de regiões inteiras onde o asfalto já está precário e o tapa-buraco já não resolve mais.

Leia mais em Entrelinhas
voltar ao topo