Previsão do Tempo
Bauru
Entrelinhas

Entrelinhas

Da Redação

Raul

Os partidos políticos já se preparam para a disputa das eleições do ano que vem com direito a filiados trocando de legenda e também bastante conversa entre os presidentes buscando composições. Nesta semana, o PSL vai anunciar o ex-vereador Raul Gonçalves Paula como membro. Ele é pré-candidato a prefeito, após vir de boas votações nas eleições para prefeito e depois a deputado estadual. O Patriota também está em tratativas visando a disputa, e faz reunião amanhã à noite.

Suéllen

No caso do Patriota, a nova presidente do partido é a jornalista Suéllen Rosim. Ela é apontada como pré-candidata a prefeita, mas afirma que a definição ocorrerá apenas em outro momento. Amanhã, às 20h, a legenda promove um encontro na quadra 20 da rua José Bonifácio, no Jardim Godoy, na casa de Marcelo Afonso, que deve concorrer a vereador em 2020. No ano passado, os dois concorreram a deputado e agora estão juntos na mesma legenda.

Fusão

Marcelo Afonso, filho do ex-vereador Salvador Afonso, já falecido, era do PRP, partido que se fundiu agora em nível nacional com o Patriota. No ano passado, Afonso concorreu a deputado federal e Suéllen Rosim a deputada estadual. Ela conseguiu 36 mil votos, sendo mais de 15 mil em Bauru, e ficou como a primeira suplente do Patriota na Assembleia.

Crescimento

Já o PSL aposta no crescimento nos municípios após conseguir eleger o presidente Jair Bolsonaro. Em Bauru, o presidente Kleber Ciro confirma a filiação de Raul Gonçalves Paula e cita que já houve a assinatura da ficha. No sábado, às 9h30, um evento com mais de 100 diretórios municipais do Estado acontecerá na ITE, ocasião em que haverá a apresentação formal de Raul aos demais membros.

Estrutura

O médico e ex-vereador afirma que a estrutura do PSL e o tempo de TV do partido pesaram em sua decisão. Raul teve mais de 70 mil votos no segundo turno para prefeito em 2016, ainda no PV, e no ano passado disputou a deputado estadual pelo Podemos, obtendo 36 mil votos, sendo 29 mil em Bauru. Agora, sai do Podemos rumo ao PSL, mas diz que pretende manter boa relação com a antiga legenda e até contar com o Podemos em uma chapa.

Protocolo

O vereador Sandro Bussola (PDT) entregou ontem ao deputado estadual Alex de Madureira (PSD) pedido para que a Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa faça a convocação de diretores da USP e do Estado para falar sobre o curso de medicina da USP de Bauru. Amanhã, uma data já deve ser fechada.

Rebelião

Alguns servidores do DAE prometem um protesto para hoje, logo pela manhã, por conta de possibilidade de alteração no plano de saúde. Os funcionários receberam a informação de que a prefeitura pretende reduzir o valor do convênio ao mesmo patamar praticado pela prefeitura, o que gerou insatisfação em parte da categoria.

Lava Jato

Um ato foi marcado para o próximo domingo, às 14h, na avenida Getúlio Vargas, a favor da operação Lava Jato e do pacote anticrime apresentado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro. Os organizadores afirmam que o movimento é suprapartidário, com a concentração na frente da Polícia Federal.

Leia mais em Entrelinhas
voltar ao topo